Segundo informações de alguns sites de notícia, os agentes foram chamados por responsáveis do cinema local acusando um espectador de estar filmando a sessão do filme “Operação Sombra – Jack Ryan” no cinema AMC de Columbus, no estado norte-americano de Ohio.
Os agentes abordaram o homem e recolheram o seu Google Glass e o expulsaram na sala.

Quando saiu do local, havia alguns policiais esperando o sujeito, o qual foi levado e interrogado por várias horas, por ter sido acusado pelo cinema de estar gravando o filme com o dispositivo.

Além do mais o que agravou mais a cena, foi que o local já estava sendo monitorado pela autoridades com suspeitas de estar sendo algo de pirataria, sessões de filmes sendo gravadas e compartilhadas na Internet e outras mídias como todos nós sabemos muito bem como é este tipo de pirataria. Onde os caravas conseguem de alguma forma filmar a sessão e depois compatilham em sites, mídias e outros o conteúdo.

Google Glass - Óculos da Google

Google Glass – Óculos da Google


Sorte do cara que seu Google Glass estava com as funções de gravação desativadas durante a sessão, por que se não ele estaria bem inclencado.
Mesmo assim os agentes conectaram seu dispositivo em um computador via USB e vasculharam para ver se não havia registrado algum trecho do filme.
Após não ser constatado nada irregular, o mesmo foi liberado.
Por sorte ele ainda recebeu dois inglessos para assistir duas sessões grátis! Mas, segundo a notícia, ele está procurando meios para registrar queixa.

Via: TECMUNDO http://adf.ly/cS2XO

Compartilhe isto:

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS